História  Turismo  -  Lazer  -  Restaurantes  -  Carnaval  -  Compras  -  Futebol

Praias no Rio de Janeiro

Copacabana (foto1 foto2 foto3)

Conhecida como a Princesinha do Mar, Copacabana é uma síntese da cidade do Rio. Impossível falar da praia sem falar do bairro. Com seus milhares de habitantes, Copacabana é um bairro com uma população bastante heterogênea. São ricos, pobres, famosos e desconhecidos que fazem a alma de Copacabana. A praia possui seis postos de salvamento que são ótimas referências geográficas. Sua faixa de areia é bastante longa (exceto próximo ao Posto 6), o que propicia a prática de diversos esportes. Na areia, o visitante pode encontrar diversos produtos a venda. Bebidas, comidas, protetores solares, bijuterias e cangas(toalhas para deitar na areia) estão entre eles. O mar costuma ser calmo com ondas pequenas, mas é bom evitar nadar para muito longe. No verão e, principalmente, nos fins de semana o número de freqüentadores aumenta consideravelmente. Vale a pena visitar o Forte de Copacabana no Posto 6, palco de eventos históricos do Brasil e sede do Museu Histórico do Exército.

Leme (foto)

O praia do Leme fica à esquerda de Copacabana e a fronteira entre as duas passa quase que por desapercebida. O Leme é uma extensão do bairro de Copacabana.

Ipanema (foto, foto1)

Este pedaço de areia ficou mundialmente conhecido pela música "Garota de Ipanema", de Tom Jobim e Vinícius de Moraes. Assim como Copacabana, não se pode falar da praia sem falar do bairro. Ipanema, uma antiga vila de pescadores, é um berço cultural do Rio e, conseqüentemente, do Brasil. De lá vieram a moda de praia e grandes compositores que ajudaram a criar a Bossa Nova. Ipanema, em tupi-guarani, significa água perigosa. Apesar disso, o mar é bom para a prática de esportes aquáticos como surfe e bodyboard. Nas areias de Ipanema há com freqüência shows musicais gratuitos para o público, geralmente à noite. As mulheres bonitas são outra grande atração da praia.

Arpoador (foto)

Localizada entre Copacabana e Ipanema, o Arpoador possui atualmente uma faixa de areia muito curta. Não se esqueça de visitar as pedras do Arpoador, o local mais lindo para se apreciar o mar e o pôr-do-sol.

Leblon (foto, foto1)

A praia do Leblon é uma extensão à direita da praia de Ipanema. Não é tão freqüentada, mas a larga faixa de areia permite a prática de vários esportes. O Mirante do Leblon, localizado no extremo canto direito permite uma vista deslumbrante, principalmente quando o mar está em ressaca. Atenção: Devido a problemas de poluição, esta praia geralmente está imprópria para o banho. 

Vidigal

Fica ao pé do Morro Dois Irmãos, junto ao Hotel Sheraton. Seu acesso é difícil e geralmente está poluída.

São Conrado/Pepino (foto)

Estas praias, uma ao lado da outra sofrem com a poluição constante. No canto direito o visitante pode fazer um vôo de asa-delta.

Joatinga (foto)

Praia de difícil acesso mas de grande beleza, uma vez que, embora esteja no meio da cidade, parece isolada do mundo. A faixa de areia é muito pequena no inverno e a praia só vale a pena ser freqüentada no verão, quando o sol permanece por mais tempo. Para chegar lá, o visitante tem que seguir de carro pela Estrada do Joá, como se estivesse indo para o clube Costa Brava (informe-se melhor na recepção de seu hotel). Ainda é preciso fazer uma pequena descida até a praia, caminhando sobre as pedras. Não é aconselhável para idosos, gestantes e deficientes físicos. 

Barra da Tijuca (foto)

É a praia urbana de maior extensão no Rio de Janeiro. São quilômetros de praia que possibilitam a prática de esportes aquáticos (ideal para o windsurfe). No início, localiza-se a Praia do Pepê, ponto de encontro de pessoas jovens e mulheres bonitas. Pepê era o nome de um dos maiores atletas de esportes radicais do Brasil, morto num acidente de asa-delta. O mar da Barra costuma ser traiçoeiro e é bom ter cuidado. Vale a pena experimentar um dos sanduíches naturais da Barraca do Pepê.

Recreio dos Bandeirantes

Por ser continuação da praia da Barra, o Recreio possui as mesmas características.  

Prainha - É a praia dos surfistas. Na Prainha o mar é excelente para a prática do surfe e a natureza no local é praticamente intocável.

Grumarí - Grumarí é um pouco maior e mais afastada do que a Prainha. É uma linda praia muito freqüentada por famílias.